5.05.2011

As vossas dúvidas

Quando era miúda não era a gorda. Mas apenas porque essa era a minha melhor amiga – sendo assim, eu, em comparação, era a fixe. Num outro contexto, talvez fosse eu a brincar de Úrsula e outra menina qualquer, mais magrinha, de sereia...Mas a Ariel da minha infância fui eu. Nunca vi problema algum com o meu peso, pelo menos até mudar de escola, até conhecer outras fixes, que também eram, elas, Ariel...

Peso 60kg desde que me lembro – não tenho qualquer memória de olhar para a balança e ver outro número. Tentei ter tento, fazer os meus pais perceberem que eu não queria ser assim – só me deram olhares duvidosos, sacudiram a preocupação e eis mais uma pratada, do "teu favorito", do "só para ti", e segunda dose do "se gostaste, repete!" É por amor, já sabemos.

Ao vir para o Reino Unido, ao ter poder absoluto sobre tudo o que ingeria, não melhorei – seduzida por novos sabores, entrei no espírito eramus e engordei 13kg.

Tinha de fazer alguma coisa – não conseguia vestir nada. Sair de casa de manhã era um horror, metade da minha roupa ficava por arrumar, espalhada pelo chão, atirada contra as paredes...

Visitar Portugal era sinónimo de engordar mais 2kg – toda a gente queria cozinhar mais favoritos, de propósito para mim, ja não me viam há tanto tempo...
Tentei controlar-me – entrei para um ginásio. Fazia elíptica durante 40 minutos todos os dias e andava vigorosamente durante mais 30. Controlava o que comia em pequenas doses, saltava refeições. Havia dias em que só comia um iogurte. E a balança não mexia. Comecei a fazer escalada, a andar de bicicleta, deixei os bolos, as bolachas, os chocolates. Comia sopa. E nada.

Quanto mais incrivelmente frustrada, mais a vontade me assaltava, de, de repente num perder de consciência, chegar ao fim de mais um frasco de nutella. A colher estava suja, na minha mão, o frasco vazio...mas, fui eu?... Fui.


E fui a um nutricionista, decidida a resolver isto, de uma vez por todas. Tinha um ligeiro desvio nas análises da tiróide, mas nada que provocasse tamanho aumento de peso... A culpa era da rotina, do metabolismo – da forma como o meu corpo estava habituado a funcionar...a culpa era minha. Mais passada, ou mais recente, com mais culpa, menos culpa - fui eu.

No nutricionista:
   Altura: 1.66 (que creio ter sido inflacionada, mas enfim)
   Peso: 73.5kg
   Idade: 22 anos
   Gordura: 28%
   Massa Muscular: 42%

Plano:
   Pequeno-almoço: 
          1tosta; tangerina/kiwi/ananás; 1 activia fat free/iogurte soja/sumo de maçã;
   Lanche1:
          2 bolachas sem glúten;
   Almoço: 
          pequena dose de massa colorida/arroz branco; carnes magras/peixe; legumes;
   Lanche1: 
          iogurte de soja/sumo de ananás; 1maçã verde;
   Lanche2: 
          gelatina vegetal;
   Jantar: 
          sopa de legumes; salada/legumes/atum/2 claras de ovo;

PROIBIU pão e batatas, nada mais.
ACONSELHOU chá de cavalinha e chá sem barriga (da marca 100%, encontrada no pingo doce) e não beber água, pois faço retenção de líquidos – tanta que justificou tomar um diurético durante alguns anos. Tudo num total de 1-1,2 litros por dia.
EXERCíCIO pediu-me que parasse com tudo. Até atingir o primeiro alvo (55kg) só posso caminhar, no mínimo de 30 minutos contínuos por dia.
PEDIU que mantivesse um registo, diário, de peso conferido pela manhã, em jejum, e de tudo aquilo que como.

Que aconteceu?
Comia pelo plano. Bebia 2litros por dia. Mas não caminhava... Continuava a fazer 30minutos de elíptica e passei a correr 15minutos por dia. Estava decidida a eliminar o peso.

Após o primeiro mês, não engordei... mas também não emagreci. Estava revoltada, e voltei ao nutricionista... também ele ficou revoltado por eu não ter feito o que ele mandou...baixei as orelhas. Voltei para casa e comecei, finalmente, a seguir tudo à risca. 
Isto foi há 8 meses atrás – passei de 73kg para 58,4kg, pesados hoje. 

As flutuações diárias podem vê-las na barrinha à direita – quando há buracos, são equivalentes a visitas a Portugal, onde a minha família, a falta de ginásio e a inexistência de uma balança, me fazem engordar sempre alguns quilos. Mas que são compensados logo que chego aqui, à minha casa e à minha rotina – sim, devia conseguir controlar-me melhor em terras lusas. Mas dizer não às tias e às avós é muito difícil – e quem está longe compreende ;)

Pesar-me todos os dias é rotina – não me enlouquece porque uma diferença grande, para mais ou para menos, já não me deixa frustrada, apenas ainda mais motivada para continuar esta luta. E, 8 meses e 15kg depois, estou feliz na minha rotina :3

Quanto às fotos, vocês mimam-me demasiado! Asseguro-vos que o mérito é todo do Photoshop e da minha câmara. 
Eu só faço um curto e desajeitado *click* :3

Ah e perdoem algumas referências a produtos que não existam em Portugal – é difícil eu saber o que há ou não, mas costumo saber equivalências sobre a maior parte dos alimentos, para quando tenho de cozinhar na minha casa do Porto.

Para mais alguma dúvida, esclarecimento, conselho, critica, reparo, desabafo: lolapicks@gmail.com

6 comments:

Girlie girl said...

Bem, boas faq :) Já emagreceste imenso! E com a percentagem de gordura que também deves ter perdido deves estar óptima (começaste com 28% que não é assim tanto para o peso que tinhas)!

eu tenho os valores da tiróide t3 quase no hipotiroidismo, adoro o meu estúpido metabolismo :S

não percebo essa de não puderes fazer exercício! É para não aumentar a massa muscular?

Até que enfim lev... said...

Ok, já percebo tudo agora! :D
mais uma coisa (lol): foste fazer erasmos aí e ficaste? até quando? Porque?
LOL não tem nada a ver com dietas, mas fiquei curiosa!
beijinhos

Loh-la said...

Girlie: sim, as percentagens não eram más... o peso é que tinha de diminuir drasticamente lol Pois, isso da tiroide tb eu tinha desviado mas acredita que não faz grande diferença - o que faz é ter determinação e continuar a lutar. E está claro nos teus menus que estás no caminho certo ;)
Lev: (pergunta à vontade!) Sim fiquei a fazer mestrado e ainda não sei até quando... E porquê? Ora! Porque ADORO viver aqui!:D

Luciana said...

Deliciei-me com os teus textos!
Gosto de ver as tuas "especialidades".É sempre bom trocar ideias!com a loucura do dia-a-dia é tão difícil conciliar a inspiração+comida saudável e apetecível!
Eu tenho 1.64 e estou com 59,7. Mais cm, menos gr e estamos com valores similares, mas por agora eu quero é manter e perder massa gorda.
Beijos

Julie said...

Gostei do blog.
Passei a correr, sem muito tempo para aprofundar as leituras mas volto. :)

Me said...

obrigada pela tua reposta....és um exemplo a seguir..achei que nao fosse este o menu que estava a seguir agora, este já tinha lido...

um beijinho obrigada acho que nunca conseguiria ter esta tua força.

Adorava ter feito erasmus, na altura não fui, hoje tenho 34 anos e trabalho estavel em portugal mas o meu unico objectivo de vida é sair daqui, mas na minha profissão é muito complicado então vingo-me a viajer...corro o mUNDO....

UM BEIJNHO